Cóleus: Características, Plantio, Cultivo e Cuidados com a Planta

Tudo sobre essa bela planta nesse guia botânico!

Publicado em e atualizado em: 26-10-2021 por Lory Aguiar

Você conhece o coléus? Veja todas as informações sobre esta planta que pode incrementar o seu jardim de forma belíssima!

O coléus é um tipo de planta que disponibiliza um colorido estonteante, capaz de transformar a paisagem do seu jardim ou, simplesmente, qualquer cômodo da casa, a partir de um vaso decorativo.

Cóleus

Conteúdo

Características do Cóleus

O coléus é um tipo de planta herbácea que tem apreciação por suas diversas cores, presentes nas folhas, que fazem parte da classe Lamiaceae, com origem asiática. Esta planta é denominada, também, como coleus-de-java, é caracteriza-se arbustiva perene. De modo geral, alcança a 40cm a até 1m de altura, ainda que, determinadas vezes possa alcançar até 2m de altura, a depender da variação.

A planta teve origem a partir de hibridização entre as classes Solenostemon, S. bicolor e S. laciniatus. Hoje, a categoria apresenta uma diversidade de tipos de cultivos.

As cores e o seu fácil cultivo fazem da planta um espécie ornamental, com a possibilidade de fazer parte de vários jardins, bem como vasos decorativos. As inflorescências acontecem em espiga terminal, e de modo geral, são roxo-azuladas. Porém, por vezes, têm eliminação logo que aparecem, a fim de que as folhas continuem exuberantes e compactas.

Cóleus 2

As folhagens grandes são caracterizadas super macias e têm variação em relação ao seu formato, coloração e dimensão. É possível que apresentem várias colorações e combinações entre vermelho, amarelo, roxo, marrom e verde.

É muito importante fazer a observação de que as colorações das folhagens podem compor degradês ou fazer o contraste brusco.

Cóleus 3

Ambientes

As colorações vivas das folhas vistosas podem ter proveito em vários lugares. Nos jardins, é possível que formem conjuntos ou maciços, além de bordados juntamente a paredes de muros. Nas varandas e pátios, bem como janelas com boas iluminações, a planta é uma decoração lindíssima que pode ter plantio em jardineiras ou, ainda, vasos.

Em relação aos climas mais quentes, há a possibilidade do desfrute de uma beleza cheia de cores, o ano inteiro. Trata-se de uma planta que quase não requer manutenções, sem exigência de podas e tolerância de estiagens.

É preciso que tenha o cultivo sob meia sombras, em solo drenável, rico em orgânicos e irrigação regular, porque este ambiente precisa estar sempre úmido, porém sem encharcá-lo.

como cuidar
como cultivar

Como Plantar?

É preciso que o solo tenha um material rico em substâncias orgânicas. Faça a preparação da terra do canteiro, de modo a destorar e retirar a planta fornecida e inço. Revolva num quantitativo de 15cm de profundidade, adicionando adubo animal do curral bem misturado. Deve ser uma média de 3kg por metro quadrado.

cor rosa 2

Plante as mudas, de modo a retirar o saco plástico cuidadosamente, sempre fazendo o depósito no buraco com abertura com uma pá. Acomode e deixe que alcance a terra em volta, sempre apertando levemente para fazer a fixação. Regue posteriormente ao plantio.

De forma periódica, há a necessidade de proceder a poda para retirar inflorescência ou de ramos que se desloquem de modo arredondado. A inflorescência que surge deve ser podada, porque a planta reservará a energia para que se elaborem as sementes, de modo a prejudicar as folhas.

cor verde

O cóleus apresenta um quantitativo grande de sementes. Elas podem ser utilizadas para que as mudas se multipliquem. Estas plantas, em grande parte do tempo, combinam com desenhos e colorações nas folhagens, em virtude do casamento das flores.

Coloque numa areia úmida, em cultivo com proteção longínqua ao sol e fazendo a cobertura em saco plástico para que se evite a perda de umidade. Ao perceber que iniciam o desenvolvimento de folhinhas, significa que está criando raízes.

cultivar Cóleus
em casa 1

Regue

Estas sementes são minúsculas e precisam ter a colheita das inflorescências maturas ou, ainda, adquiri-las em sacos. O ideal é fazer o seguinte:

  1. misture as sementinhas com pó de café para auxiliar no processo de semeadura;
  2. prepare um pote que pode ser uma bandeja de cultivo, caixotes, por exemplo;
  3. coloque a terra num canteiro misturado com a areia bem peneirada;
  4. nivele a parte superior do solo e regue, antes da semeadura;
  5. polvilhe a mistura das sementinhas com o pó de café na terra e faça a cobertura com plástico;
  6. mantenha a umidade de regar com frequência em jatos fininhos;
  7. depois disso, retire o plástico.

Como Cuidar?

Selecione um nível para que a planta fique exposta aos raios solares. Quando maior a quantidade de luz, maior a vibração e vivacidade das cores das plantas. Se houver a possibilidade, faça a exposição dos cóleus no sol em períodos matutinos e mantenha-os nas sombras no período da tarde. Se não, é importante manter as plantas de forma parcial na sombra.

Caso a planta esteja perdendo as folhagens, é provável que necessite de uma quantidade maior do sol. A área rústica tem variação ligeira, conforme a classe e variedade. Porém, grande parte das plantas tem seu crescimento e desenvolvimento em áreas específicas, se forem mantidas em lugares fechados durante a época invernil.

em casa 1 1

É preciso, também, que o solo se mantenha úmido, sem encharcá-lo. Estas plantas demandam constantemente a umidade, porém não apodrecem sem que deixem poças. Nas condições de extremidade do calor ou vento, é possível que necessite regar, todos os dias, ou ainda, 2x ao dia, para que haja a manutenção do solo úmido.

O aumento do quantitativo de água a ter regagem é possível ser percebida nas estruturas murchas, bem como manchas escurecidas e secas ou a cor que desaparece.

folha 1
folhas
folhas verdes
folhas vermelhas
Fotos da Cóleus
fotos da planta
imagens da planta
no jaridm
planta Cóleus
Planta Cóleus 1
rosa pink 1
vermelha 1
vida no seu jardim
zoom nas folhas

Cultivo

Caso queira fazer o cultivo a depender das sementes, faça a semeadura na terra, pressionando-as de forma gentil. É importante manter a terra em umidade e plantar as mudinhas quando estiverem em volta de dez dedos de altura.

Ao seguir os passos acima, molhar as plantas novas de forma cautelosa, colocando adubo na parte superior da terra para que o seu caráter úmido possa permanecer.

Muitos indivíduos fazem o cultivo das plantas, anualmente, no período da primavera. Porém, a planta é, de fato, perene dotada de sensibilidade. Com o passar do tempo, a planta é capaz de se transformar numa longilínea e suas colorações podem acabar desbotando.

Contudo, com todas as especificações e cuidados, a planta pode ter duração por muitas estações.

Gostou das dicas para o plantio dessa opção lindíssima? Compartilhe conosco sua opinião.

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Whatsapp

Você leu Cóleus: Características, Plantio, Cultivo e Cuidados com a Planta. O Meu Verde Jardim estará aqui para te ajudar sempre que precisar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.