9 Plantas Japonesas: Lista da Espécies e Variedades do Japão

Selecionamos as mais belas plantas do leste asiático!

Quando se fala em plantas japonesas, muitos devem lembrar de cara da famosa cerejeira. Outros podem se recordar das florestas de bambu. Todavia, a flora japonesa é muito rico e oferece uma ampla gama de plantas exóticas, diferentes e espirituosas.

O mais legal do Japão é que eles tem uma relação muito forte com a natureza e cada planta carrega um significado espiritual para os japoneses. Essa ligação mística com a natureza vem do budismo, uma religião muito presente no Japão. Todavia, o xintoísmo também tem forte influência. Eles acreditam que os espíritos Kami habitam as pequenas plantas.

Nesse guia do Meu Verde Jardim, você vai conhecer algumas espécies e variedades de plantas do Japão.

Veja um resumo em tabela das plantas que você vai conhecer hoje:

SugiUma árvore sagrada do xintoísmo.
AjisaiA hortênsia do Japão.
HakonechloaA grama nipônica.
MatsuO pinheiro japonês.
Flor de LótusRica em simbolismo e significado.
Azaleia JaponesaA versão japonesa da famosa flor.
Bambu do JapãoA favorita dos pandas.
Caméllia JapônicaA variedade japonesa da famosa flor.
Cerejeira (Sakura)A flor nacional do Japão.
Flores, plantas e árvores japonesas

Sugi, o cedro japonês

sugi 528x1024
sugi 1
sugi 2
sugi 3

No Japão, as árvores de cedro são conhecidas como sugi. Essas árvores são consideradas sagradas pelo xintoísmo, onde habitam os espíritos Kami mais poderosos.

Se você viajar ao Japão, vai encontrar facilmente o sufi em templos budistas e outras construções arquitônicas nipônicas.

Caso vá plantar na sua casa, precisa de espaço, pois essas árvores de cedro chegam a grandes tamanhos.

Ajisai, a hortênsia japonesa

Ajisai
Ajisai 1
Ajisai 2
Ajisai 3
Ajisai 4
Ajisai 6

Por volta de junho, começa a chover com frequência em terras nipônicas. Nessa época, surgem as belas flores azuis da ajusai, a hortênsia japonesa. Você também pode encontrar ela em diversos templos budistas e xintoístas.

Existe até mesmo um templo dedicado as hortênsias, chamado ajisai-dera. Nesse templo, é possível encontrar mais de quarenta variedades dessa hortênsia diferentes em várias cores, formas e tamanhos.

Um fato muito curioso sobre as hortênsias é que a sua cor muda de acordo com a acidez do solo e a água da chuva. É possível inclusive manipular o solo para mudar artificialmente a cor das hortênsias.

Hakonechloa, a grama das florestas nipônicas

Hakonechloa
Hakonechloa 1
Hakonechloa 2
Hakonechloa 3
Hakonechloa 4
Hakonechloa 5
Hakonechloa 6
Hakonechloa 7

Não poderiamos deixar de faltar na nossa lista essa famosa grama que se encontra em florestas do Japão. Para conhecê-la, você precisa visitar as montanas Hakone.

O interessante dessa planta é a sua resistência, podendo propagar em regiões vulcânicas tranquilamente.

Matsu, o pinheiro japonês

Se você gosta dos pinheiros do paraná, saiba que não são exclusividades do Brasil. Existem variedades de pinheiros próprias ao clima e solo do Japão. O matsu é um dos exemplos mais famosos, considerado o pinheiro japonês.

O mais impressionante dessa planta são seus galhos, que são uma obra de arte de Deus. São troncos retorcidos que formam um design ímpar para as florestas japonesas.

Matsu é uma das árvores mais apreciadas no Japão. Seu nome significa “esperando por um deus”. É muito raro ver um jardim japonês sem um matsu, se tornando peça ícone da flora japonesa.

Caso você queria cultivar em um casa, é fácil de propagá-lo no Brasil. Todavia, ela exige muitos cuidados, inclusive de poda para a sua manutenção.

Flor de Lótus

Flor de Lotus
Flor de Lotus 1
Flor de Lotus 2
Flor de Lotus 3
Flor de Lotus 4
Flor de Lotus 5
Flor de Lotus 6
Flor de Lotus 45

Essa é uma planta aquática que é encontrada geralmente em lagos ornamentais, mas que vive também nativamente nas florestas pantanosas do Japão. A flor de lótus é também uma planta muito rica em significados para os japoneses.

Os japoneses acreditam que os espíritos Kami que habitam a flor de lótus estão entre os mais puros. Existe até uma celebração, chamada Kanrensetsu, que ocorre no mesmo período de florescimento das flores de lótus.

Curiosidade: suas raízes são comestíveis e consideradas uma iguaria da culinária japonesa.

Azaleia Japonesa

Azaleia Japonesa
Azaleia Japonesa 0
Azaleia Japonesa 2

Embora seja muito popular no ocidente, nada se compara das azaléias do Japão, uma vez que eles são exímios cultivadores dessa planta há séculos. Suas flores brotam na primavera e assumem diversas cores de acordo com a variedade, passando pelo violeta, branco e vermelho.

Existem variedades criadas artificialmente que apresentam flores o ano todo.

A azaleia japonesa pode ser cultivada no Brasil, desde que se reúna as condições ideais. Essa é uma planta que gosta de sombra parcial e um solo bem fértil.

Leia também: Por que as Folhas da Minha Azaleia Estão Caindo?

Bambu do Japão

Bambu do Japao
Bambu do Japao 1
Bambu do Japao 2

O bambu é uma planta típica da vegetação japonesa. Ele é utilizado na indústria para diferentes funções, sendo uma matéria prima fundamental para muitos japoneses.

O grande problema do cultivo de bambus é que eles são plantas que se alastram com facilidade, se propagando por todo o jardim caso não ocorra um controle.

De nome científico Fargesia dracocephala, os bambus japoneses são plantas de sombra parcial e irrigação regular.

Caméllia Japônica

Camellia Japonica
Camellia Japonica 1
Camellia Japonica 2
Camellia Japonica 3
Camellia Japonica 4

Essa é a variedade japonesa da famosa flor Camélia. Ela é capaz de sobreviver por anos após um plantio de sucesso. Suas pétalas são muito bonitas e perfumadas, trazendo alegria principalmente nos meses de inverno.

Essa planta exige um solo, rico, argiloso e bem drenado para se desenvolver.

Cerejeira (Sakura)

Sakura
Sakura 1
Sakura 2
Sakura 3

A clássica cerejeira japonesa não poderia de forma alguma faltar na nossa lista de plantas japonesas. Elas são chamadas de “sakura”. Seu florescimento é muito breve e bonito, ocorrendo nos meses de primavera.

Ela não é só uma planta de decoração tradicional de jardins japoneses, como conta com um rico significado dentro da cultura nipônica. Suas flores são muito cheirosas e podem assumir as cores rosas ou branca.

Existe um costume que passou de geração em geração no Japão, denominado hanami, que significa “observar as flores de cerejeira“. No budismo, essa planta representa a mortalidade do homem, a transitoriedade da vida, os ciclos da eternidade. A sakura é uma espécie de lembrete do quão bela é a vida, mas também do quão fugaz é o tempo – e passageira é a vida.

Ela é considerada a flor nacional do Japão e não poderia faltar na nossa lista. Se você viajar para o Japão, não deixe de fotografar uma cerejeira!

Essa é a nossa lista de flores do Japão. Faltou alguma flor que você desejaria ver na lista? Comente abaixo!

Qual planta japonesa você gosta mais? Comente!

lory aguiar
Atualizado em 10-16-2021 por Lory Aguiar

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Linkedn

Você leu 9 Plantas Japonesas: Lista da Espécies e Variedades do Japão. O Meu Verde Jardim estará aqui para te ajudar sempre que precisar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *