Zínia: Como Plantar, Cuidar, Cultivar e Espécies

Saiba tudo sobre essa bela flor e como ela pode embelezar o seu jardim!

Você conhece a zínia, sua forma de cultivo e seus atributos medicinais? Continue lendo este artigo e você aprenderá mais sobre essa bela planta que além de encantar com sua beleza, também vem sendo utilizada na medicina alternativa.

amarela 4

A zínia é um gênero botânico que pertence à família das Astearaceae. São plantas com grandes diversidades em seus cultivos, podendo ser de pequeno e médio porte, chegando a atingir de 15 cm até 1 m de altura. 

Possuem seu ciclo de vida anual, ou seja, nascem, crescem, florescem e morrem dentro do período de um ano. 

Possuem um lindo visual quando são cultivadas em grupos, em muros, cercas, jardins, vasos e jardineiras, podendo ser cultivadas até em rochas, dando uma beleza ao visual mais rústico.

cor vermelha

Origem

São originárias do México e também existem no sudoeste dos Estados Unidos podendo serem avistadas em partes da América do Sul. 

Plantio e propagação

O plantio da Zínia é bem simples, ele ocorre por meio da semeação. Basta fazer pequenos buracos de no máximo 5 cm no solo e jogas as sementes. A sua germinação ocorrerá entre uma ou duas semanas. 

É recomendado que o cultivador tenha o local de plantio já definido, pois não é indicado para a propagação da zínia o método de transplante, pois na maioria das vezes ela não suporta ser transplantada.

Ideia: Aprenda a Plantar em garrafa Pet

espécie rara

Cultivo

Para cultivar a zínia você precisa entender algumas coisas relacionadas a solo, iluminação, clima e algumas particularidades relacionadas ao cultivo das plantas. De antemão já adiantamos que para cultivá-la não é difícil. A seguir falaremos sobre como cultivá-la.

Solo e irrigação

A zínia é uma planta bem tolerante quanto ao solo onde será cultivada. Para que o seu desenvolvimento seja eficaz, este solo deve ser bem drenado, fértil, leve e adubado. É recomendado que o seu pH esteja entre 5,5 e 7,5.

No que se refere a irrigação, o solo deve estar levemente úmido no estágio de crescimento quando desenvolvida ela resiste bem a períodos curtos de seca.

foto da flor 2

Clima e iluminação 

O clima ideal para o cultivo da zínia deve ser quente e seco, pois a mesma não se dá bem em baixas temperaturas e não sobrevive a geadas. Sobre a iluminação, é recomendado que receba sempre luz solar de forma direta.

Fotos de Zínia

Floração e espaçamento entre outras plantas

Quando cultivada em regiões frias, ela floresce no verão. Quando em regiões quentes e com boas condições de cultivo, floresce durante o ano todo. Começa a florescer após 45 a 70 dias depois da germinação.

Sobre o espaçamento, é recomendado que fique de 10 a 60 cm de distância de outras plantas.

Uso da zínia na medicina alternativa

Na medicina alternativa a zínia marca sua presença de forma honrosa. É usada como essência floral que são soluções contendo água, álcool e diluições extremas de flores ou de partes da planta. 

Servem para tratar doenças que em sua visão, são o resultado de desequilíbrios emocionais que afetam a energia das pessoas. A zínia é usada como um ótimo floral, pois as suas propriedades servem para tratar pessoas que possuem os seguintes sintomas:

  • falta de humor.
  • seriedade excessiva.
  • peso nas costas.
  • embotamento, senso de criança interna reprimida. 
  • sensação do eu sombrio.

Ela trará qualidades positivas como: proporcionar bom humor, vontade de vivenciar momentos felizes, deixa o coração mais leve, tirando certos pesos que ele guarda, alivia a sensação de que o peso do mundo está recaindo sobre você.

laranja 8
pink 2
rosa 8
rosa 1 3
vermelha 9
vermelho
Zínia
Zínia 1
Zínia 2
Zínia 3
zoom na pétala

Curiosidades sobre a zínia 

Existem algumas curiosidades sobre a zínia que vão te deixar com mais vontade de cultivá-la. Vamos a elas.

É uma das flores mais queridas pelas borboletas, por isso, muitos cultivadores e jardineiros plantam a zínia, para assim atrair as borboletas e deixarem o seu jardim mais vivo. Vale ressaltar que as abelhas também amam as zínias, então é bom ficar atento quanto ao seu cultivo.

A zínia é um gênero que contém até agora 19 espécies e centenas de variedades dessa bela flor. Essas espécies são ervas ou arbustos de ciclo anual de média e longa duração. 

Ela é comercializada como um tipo de flor de corte (flores, botões florais ou ramos que são cortadas das suas plantas originais). 

O gênero zínia recebeu esse nome no século XVIII como forma de homenagem ao botânico e professor de anatomia, o alemão Johann Gottfried Zinn. Que também veio a descrever a espécie zínia peruviana.

A zínia recebe diversos nomes nas regiões brasileiras. No Rio Grande do Sul, a zínia é conhecida pelo nome de “zabumba”, já em Tocantins, é apelidada de ” umbigo de viúva”. No Belém do Pará a chamam de “zina” e em outros lugares recebe o nome de “capitão” e “viúva regateira”.

Detém o título de primeira planta com flores a estar sob gravidade zero, quando em janeiro de 2016 esteve a bordo da Estação Espacial Internacional.

Características da zínia

A zínia não é apenas uma planta que possui lindas e coloridas flores, ela também possui característica que a torna uma planta única. Veremos a seguir algumas dessas características.

  • Os seus capítulos florais possuem pétalas que podem possuir cores uniformes ou terem uma grande variedade de cores como: Lilás, amarelo, rosa, vermelho, branco, verde, laranja entre outras cores. 

Isso possibilita um maior leque em se tratando de decoração. Além disso, elas ficam de forma suspensas em uma longa haste. 

  • As suas flores derivam entre flores simples, dobradas ou semidobradas, lembrando a forma de um pompom. Elas são similares as floras da Dália. 
  • A zínia pode chegar a contrair doenças de origem infecciosas que geralmente são difíceis de serem tratadas. 

Então é recomendável que sempre que houver uma suspeita de contaminação, o cultivador retire as flores que foram afetadas, para evitar ao máximo a propagação da doença.  

  • Sobre a fertilização, é indicado que seja fertilizada duas vezes por estação, seguindo essa ordem: Fertilizar um mês após o aparecimento das brotações, a segunda vez antes do período de floração.
  • A zínia não fica imune a pragas, sendo as mais perigosas os pulgões, lesmas e besouros. Portanto, é bom ficar atento quanto a forma de proteger a sua zínia.

 Para protegê-la, o cultivador poderá usar pulverização com inseticidas.

  • Possui seu porte de forma ereta, sendo bem agrupada e ramificada. Seu caule é longo e cilíndrico na cor verde escura e um pouco pubescente. 

Bibliografia 

https://pt.food-and-recipes.com/publication/46537/
https://pt.wikipedia.org/wiki/Zinnia
https://jardim.info/zinia
http://terapiafloralqualidadedevida.blogspot.com/2011/06/as-virtudes-da-zinnia.html
lory aguiar
Atualizado em 02-07-2021 por Lory Aguiar

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Linkedn

Você leu Zínia: Como Plantar, Cuidar, Cultivar e Espécies. O Meu Verde Jardim estará aqui para te ajudar sempre que precisar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *