Como regar as plantas quando for viajar? 8 Métodos de Irrigação Automática

Vai passar uns dias fora e precisa de um sistema de irrigação automática? Confira esses oito métodos!

Publicado em e atualizado em: 21-06-2022 por Lory Aguiar

Na sua ausência, as plantas de interior e exterior ainda precisam de água para sobreviverem. Mas não é por causa disso que você não deve deixá-las, existem métodos de irrigação automática para regar as plantas enquanto você não estiver em casa.

Irrigação De Plantas

No guia de hoje do Meu Verde Jardim, vamos recomendar alguns desses métodos. Cada método é mais adequado para um cenário diferente, dependendo de quanto tempo você vai ficar fora e qual a necessidade hídrica da planta em questão.

Essas são as características de cada método:

Kit de Irrigação Automática (Gotejamento)

Kit De Irrigacao Automatica

Existem kits de irrigação automática eletrônicos, ou kits de gotejamento, que podem ser adquiridos em lojas de jardinagem e em lojas virtuais.

Esses kits funcionam bombeando pequenas quantidades de água no solo, regulados através de um temporizador digital, para fornecer as quantidades adequadas para cada planta, sem comenter excessos.

Kits de irrigação automática são escolhas perfeitas se você vai viajar por muito tempo, como para quem vai tirar uma férias, uma vez que eles funcionam enquanto durar as baterias. Existem modelos que funcionam com luz elétrica, outros com baterias e alguns com carregamento em USB.

A instalação é muito simples. Basta conectar o cano ao solo do vaso e definir no cronômetro do temporizador a quantidade de água que você quer que ele bombeie, além da frequência de bombeamento.

Método da Toalha para Irrigação Automática

Em pequenas plantas de vaso, especificamente aquelas que não precisam muito de sol, você pode colocar uma toalha molhada no solo. Esse método funciona para a ausência de alguns dias, uma vez que só fará com que a umidade seja absorvida lentamente pelo solo ao longo dos dias. Após a toalha secar, a planta precisará de irrigação. Essa é apenas uma espécie de retardamento da irrigação.

Método da Estufa para Irrigar Automaticamente

Esse é um método um pouco mais complicado que os anteriores, mas que pode funcionar, principalmente se você deseja irrigar por algumas semanas que você vai ficar fora de casa.

Para entender esse método, devemos lembrar do processo de evaporação de umidade do solo, que ocorre tanto quando a planta absorve a água quanto quando ela evapora no ar potencializado pelo efeito do sol.

O método da estufa consiste em cobrir o vaso da planta com um plástico, vedando a possibilidade de água evaporar do solo. Antes da vedação, você deve irrigar bem o solo.

Existem dois pontos negativos nesse método. O primeiro é que pode ocorrer um aquecimento muito grande do solo, principalmente se o vaso tem incidência direta de luz solar. O ar não pode sair e costuma ficar muito quente, prendendo o calor, podendo causar danos no caule da planta. Outro problema é a complexidade da vedação, que pode dar um trabalho.

Peça para o Vizinho Irrigar

Excesso De Irrigacao

Muitas vezes, os velhos métodos são os melhores. Obviamente, não é para qualquer um que você vai dar a chave da sua casa. Mas, caso tenha pessoas de confiança, ele não se importará de ir na sua casa uma vez por semana irrigar as suas plantas.

Método da Garrafa de Plástico

Garrafa De Plastico

Eis um método clássico e artesanal para fornecer um gotejamento constante de água na sua ausência. Ele consiste em encher uma garrafa de plástico com água e criar pequenos furos pelos quais a garrafa gotejará ao longo do tempo.

Para fazê-lo, é necessário apenas uma garrafa e uma faca para realizar os furos. O ponto forte do método é o seu custo, que é bem acessível. O pontos fraco é que ele só é recomendado para plantas com muita exigência de água, uma vez que o gotejamento costuma ser mais frequente do que um kit de irrigação automática. Outro ponto fraco é que a duração do método depende do tamanho da garrafa, podendo durar apenas alguns dias.

Um grande cuidado que você deve ter é de higienizar bem a garrafa antes de usá-la, uma vez que plantas podem ser sensíveis a compostos de refrigerantes e outros produtos.

Veja o passo a passo do método no vídeo abaixo:

Método do Fio de Algodão

Esse é outro método caseiro que costuma funcionar para plantas com poucas necessidades de água. Ele consiste em conectar o solo da planta com um copo de água utilizando fios de algodão. O pavio de algodão age tranferindo a água lentamente para o solo.

O ponto forte desse método é que ele pode ser utilizado para várias plantas ao mesmo tempo. O ponto fraco é que não é tão fácil fazê-lo e fios de algodões podem custar caro.

Tempo necessário: 15 horas.

Como Regar as Plantas Fora de Casa com Fio de Algodão

  1. Corte os fios de algodão.

    Os fios devem ser de um tamanho o suficiente para alcançar do copo de água para o solo do vaso.

  2. Conecte as pontas.

    Coloque uma ponta dentro do copo de água e prenda com uma fita para certificar que o fio de algodão não vai soltar durante a sua ausência. A outra ponta deve ser levemente enterrada no solo do vaso.

  3. Encha o copo de água.

    Por fim, coloque água no copo para ser absorvida pelo fio de algodão.

Escolha Plantas de Baixa Manutenção

Causas De Cacto

Nem sempre é fácil cuidar das plantas quando se viaja bastante. Se você é uma dessas pessoas que costuma se ausentar com frequência, talvez seja uma boa começar a pensar em plantas que exigem baixa manutenção e cuidados.

Eis algumas plantas que exigem baixa manutenção:

Estacas de Irrigação em Terracota

Estacas De Irrigacao Em Terracota

Outro método bastante interessante são as estacas de irrigação de terracota, que são fixadas ao solo fornecendo umidade constantemente devido a drenagem da terracota. Eis uma solução perfeita se você vai passar as férias fora e precisa de uma solução automática para irrigar as suas plantas.

Você encontra essas estacas em lojas de produtos para jardinagem e lojas virtuais. Esse também é um presente perfeito para alguém que você conhece e gosta de jardinagem.

Qual método você gostou mais? Você conhece algum outro método alternativo para gotejamento automático que não citamos acima? Comente abaixo!

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.