Como Plantar Suculenta Orelha de Elefante [Cuidados]

Aprenda como plantar passo a passo e como cuidar dessa bela suculenta na sua casa!

Publicado em e atualizado em: 15-05-2022 por Lory Aguiar

A suculenta, conhecida como Orelha de Elefante, é uma planta que, simplesmente, não pode faltar no seu jardim. Seu nome científico é Kalanchoe Tetraphylla e pertencente à família Crassulaceae.

COmo plantar Suculenta Orelha de Elefante

Ela é originária da África do Sul, e é perfeita para ficar na área externa de casas, espaços comerciais e do escritório.

Leia até o final, e confira aqui tudo sobre essa planta tão diferente e exótica.

Fotos de Repolho do deserto

Características da Suculenta

Nome científicoKalanchoe Tetraphylla
Nome popularOrelha-de-elefante, Planta-de-remo, Repolho-do-deserto, Senhora-branca, Panquecas-vermelhas, Planta-da-pá, Língua-de-cão.
FamíliaCrassulaceae
OrigemÁfrica do Sul
ClimaSemiárido, tropical, subtropical, equatorial, mediterrâneo

A Orelha de Elefante tem uma característica própria muito legal: no inverno, quando ela é deixada recebendo luz solar, suas folhas ficam vermelhas! E assim, elas se mantêm até o início da primavera.

Imagens de Repolho do deserto

Além do vermelho, essa planta também pode ficar amarela, azulada ou com um tom verde bem clarinho. Isso acontece devido ao nível de exposição do sol que elas recebem. Então, é como se você tivesse sempre uma planta nova com essa suculenta.

Outro fator que a destaca é o formato e a textura de suas folhas, que são bem grandes, além de arredondadas e carnudas também.

As folhas são cobertas por uma fina camada branca, que parece uma espécie de pó. Seu tamanho total pode chegar até a 60 cm de altura.

A Orelha de Elefante é tolerante à seca, e pode ser cultivada até mesmo no litoral sem nenhum problema.

Ela só precisa receber sol ou ficar na meia sombra. Para sobreviver, basta dar longos intervalos na irrigação, e nunca colocar água nas folhas e nem no topo, apenas dos lados e na raiz.

Kalanchoe Tetraphylla

Porém, se você for plantar ou cultivar essa planta, tome muito cuidado, pois ela pode ser perigosa, especialmente para os animais de estimação e as crianças. Essa suculenta é considerada venenosa, e pode ocasionar as seguintes doenças caso ingerida:

  • Diarreia;
  • Tremores;
  • Vômito;
  • Ataxia (problema na coordenação motora);
  • Morte súbita.

Leia também: Fungo Fumagina

Suculenta Orelha de Elefante Gigante

A Orelha de Elefante Gigante, cujo nome cientifico é Alocasia Macrorrhiza, pertence à família das Araceae e do gênero das Alocasias. Ela é nativa originalmente da Ásia.

Kalanchoe Tetraphylla em vaso

Seu crescimento é bem rápido, e ela pode chegar a ter até 5 metros de altura. Porém, se você cultivá-la em um vaso no seu jardim, ela chega a um metro apenas.

Suas folhas são parecidas com um coração, além de serem carnudas e grandes. A coloração é um verde e branco bem bonito.

planta de remo

Assim como sua “irmãOrelha de Elefante comum, a Gigante também é tóxica. Portanto, deve ser cultivada longe dos seus bichinhos e das crianças. E sempre que for manuseá-la ou podá-la, é necessário utilizar luvas.

Flor da Suculenta Orelha de Elefante Gigante

Repolho do deserto

As flores da Orelha de Elefante Gigante podem chegar a ter até 35 centímetros de comprimento cada.

Sua coloração geralmente é verde, conforme já foi dito anteriormente. Porém ela pode atingir um tom amarelo bem leve também. Isso acontece devido às condições climáticas do local que ela foi plantada.

Leia também: Características da Caladium

Como Plantar Suculenta Orelha de Elefante

resistente ao calor

Caso você tenha ficado interessado nessa planta, e queira plantá-la, confira agora como fazer o cultivo da maneira correta:

O primeiro passo é selecionar o local de plantio. E, apesar de ela conseguir sobreviver até mesmo em temperaturas negativas de 5 graus Celsius, sua fase de crescimento pode ser seriamente prejudicada, ficando mais demorada, e não atingindo todo seu potencial.

Portanto, escolha um lugar com bastante sol, para que as suas folhas possam ficar bem vermelhas.

Essa plantinha é extremamente sensível, e não pode ser encharcada. Então, o ideal é regá-la apenas quando o solo já estiver bem seco, dando longos espaços de tempo entre um e outro.

O solo não pode ser argiloso. Porém, ele precisa ser leve e arenoso. E se você for plantar sua Orelha de Elefante em um vaso, escolha um furado embaixo para que a água possa escorrer, e não fique acumulada na base.

Não é necessário usar adubo nessa planta.

Como Cuidar e Podar a Suculenta Orelha de Elefante?

Suculenta Orelha de Elefante

Cuidar da sua plantinha é bem fácil, e quase não te dará nenhum trabalho. Veja essas dicas, para que ela consiga crescer da maneira correta, saudável e colorida.

Fique atento às pragas! Algumas que podem se instalar nas folhas da Orelha de Elefante são as cochonilhas e os pulgões, que tentam se alimentar de sua suculência. Se eles aparecerem, utilize um inseticida natural para retirá-los.

Outro ponto muito importante que você precisa ter com essa planta, é a troca de vaso pelo menos uma vez ao ano.

Retire as folhas que estão mal cuidadas ou mortas sempre que aparecerem, pois, além de ficar com uma aparência feia, elas podem acabar contaminando as outras que estão saudáveis.

Como Fazer Muda Passo a Passo?

Suculenta Orelha de Elefante em vaso 576x1024

A Orelha de Elefante pode ser multiplicada através das sementes, de seus filhotes e das folhas.

Nas folhas, isso acontece por conta das que foram destacadas da chamada “planta mãe”. Caso você queira plantar mais, é só retirá-las e cultivar em outro local (no vaso ou no chão mesmo), que novas mudas vão surgir conforme o tempo for passando.

Separar os brotos laterais que, por sua vez, são formados a partir do caule da planta mãe é mais uma forma de fazer mudas dessa suculenta. Com esses brotinhos, você pode plantá-los em novos vasos e, assim, conseguir mais plantas.

Também é possível fazer a multiplicação da Orelha de Elefante a partir das sementes. Mas esse processo é incerto, pois é demorado. Então, algumas sementinhas podem não germinar da maneira que deveriam.

Cultivar no Sol ou Sombra?

Suculenta Orelha de Elefante vermelha

Assim como já adiantamos anteriormente, a suculenta Orelha de Elefante precisa ser cultivada embaixo do sol bem forte.

Porém, como ela é bem resistente, capaz de sobreviver até a temperaturas negativas, também pode ser cultivada na meia sombra.

Mas isso faz com que ela não mantenha suas características originais (folhas carnudas e coloridas, por exemplo), crescendo de maneira desregular, e não muito saudável.

Então, prefira sempre mantê-las sob a luz solar plena.

Leia também: Cuidados com Suculenta Orelha de Shrek

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Whatsapp

Você leu Como Plantar Suculenta Orelha de Elefante [Cuidados]. O Meu Verde Jardim estará aqui para te ajudar sempre que precisar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.